sexta-feira, 19 de setembro de 2008

Será a Matemática uma ciência exata?

Desde pequenino tinha afinidade com a matemática. Lembro da "Tia" Lídia Sampaio, minha professora da quarta série no Alexandre Vaz Tavares, possuía um orgulho enorme de seu aluno prodígio, eu, que respondia a todas as perguntas sobre a tabuada. Depois passei pela nefasta Maribene, mulher do Edson Cavalcante, ainda no AVT em 1992, e a melhor professora de matemática que tive da matéria. Neste ano escolhi a bata azul que indicava que eu era estudante de CE (ciências exatas).
Bem, hoje, sou químico, leciono na minha antiga escola, onde estudei da primeira série do fundamental até o término do Ensino Médio (antigo segundo grau). Tenho grande destreza no que diz respeito aos números.
Todo esse preâmbulo para dizer que estão assassinando a matemática! Sim! Enforcando a coitada!
Nas ruas vejo carros com: “Vitória 57%” escrito nos seus vidros traseiros. Leio jornal, assisto TV, navego na Internet e até agora não encontrei esses 57% relacionados a um eleitorado deste candidato.
Sei bem que 57% das pessoas acham (ou acreditavam) que o candidato divulgador do percentual vencerá a eleição, não me lembro de ler em algum lugar imparcial que 57 é o percentual de votantes deste candidato. Pelo que sei, perderia em um segundo turno.
Devo acrescentar que não sou eleitor de nenhum dos líderes da pesquisa. Apenas não gosto e nem aceito que brinquem com minha inteligência.

Um comentário:

ExtremeRoads disse...

Opa, professor, terás um leitor bastante assíduo.


Parabéns pelas sábias palavras.